sexta-feira, 21 de abril de 2017

UBS COLINA DA ALVORADA


MERECIDA HOMENAGEM

Texto de Antonio Gallas

         Contrariando o pensamento de muitos que achavam que a idade iria atrapalhar sua administração, o prefeito de Parnaíba  dr. Francisco de Assis de Moraes Sousa, o “Mão Santa”, aos 74 anos,  está dando provas de que continua em pleno vigor, sem que o peso da  idade atrapalhe seus projetos.   Mão Santa continua com muito pique, em pleno vigor, repito, administrando o mais importante município de Piauí, depois da capital, é claro.
         Quem conhece e convive no dia a dia com prefeito de Parnaíba sabe que este pique, este vigor é próprio dele, é característico de Mão Santa. A prova dessa afirmativa é que durante as campanhas eleitorais, poucos são os que conseguem acompanha-lo em suas caminhadas de meio dia, sol a pino, à cata dos votos dos eleitores. 
         Outra característica do ex-governador e atual prefeito de Parnaíba é gostar de homenagear pessoas, tanto assim que através da Rádio Igaraçu, emissora por ele fundada, criou o Diploma Personalidades em Ação para homenagear pessoas que se destacam em diversos segmentos da sociedade parnaibana, piauiense e brasileira, como até já homenageou o senador maranhense e ex-ministro Édson Lobão (agora investigado pela Lava-Jato), como homenageou também outros políticos de nome nacional. É a valorização do ser humano, do profissional que com seu trabalho contribui para o engrandecimento da cidade.
         Concordo com quem afirma que as homenagens devem ser dadas com as pessoas vivas para que elas possam desfrutar do momento da homenagem. “As flores devem ser dadas em vida, porque depois de se morrer elas nada representam”.  Há poucos dias Mão Santa homenageou o parnaibano Antônio de Pádua Seixas, até então desconhecido de muitos.  Mora em São Paulo, é ex-bancário, escritor, poeta, e segundo o prefeito um dos homens mais importantes da Parnaíba, e que deu uma imprescindível contribuição para que o Brasil desse um rumo à sua economia, num momento de extrema dificuldade.

         Mesmo concordando que se deve homenagear quem ainda está vivo, há também, pessoas já falecidas, que precisam ser homenageadas para que as gerações mais novas tomem conhecimento da importância do homenageado, do trabalho por ele desenvolvido em prol daquela comunidade na qual ele viveu como foi o caso, agora, do médico buritiense/parnaibano de coração, Mariano Lucas de Sousa que dá nome a uma Unidade Básica de Saúde localizada na Colina da Alvorada no bairro João XIII posta em funcionamento pelo prefeito atual e que, enfatizo, ter sido, realmente, uma merecida homenagem. Mão Santa, dando cumprimento a um Projeto de Lei da administração anterior, aprovado pela Câmara Municipal de Parnaíba que dá nome de médicos já falecidos, às Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) 24 horas,  transformadas em  Unidades Básicas de Saúde (UBS)  e que  à época, ainda estavam em construção em diferentes bairros da cidade, homenageou um dos mais humanitários médicos que Parnaíba já conheceu: Dr. Mariano Lucas de Sousa.
          Natural de Buriti dos Lopes, recém-formado, ainda jovem veio para Parnaíba. Assistiu ao nascimento de muitas crianças que hoje são médicos, advogados, comerciantes, profissionais liberais e muitos outros. Era o médico da família parnaibana naquela época.  Foi pioneiro no tratamento dos primeiros pacientes parnaibanos com hanseníase. Dr. Mariano fez da medicina um verdadeiro sacerdócio.
         Sobre este médico humanitário e amigo dos parnaibanos, o jornalista Rubem Freitas, no seu livro Parnaíba Tem Memória na página 172 disse entre outras palavras elogiosas o seguinte: “Trabalhastes de verdade. Cumpristes, à risca, o Código de Ética, o Juramento de Hipócrates, nunca deixando de atender a doentes, em sua casa, em hospitais, em lares às vezes distantes, de ricos, e de pobres, de dia e de noite, mesmo com a chuva e com o sol”.

          E continua o Rubem Freitas: “Aos pobres, sempre destes atenção especial, nada lhes cobrando por serviços prestados. Nunca mercantilizastes a medicina”...
         No Almanaque da Parnaíba, Edição de nº 65 de 1998, na página 112, o médico, escritor e acadêmico dr. Carlos Araken Correia Rodrigues,  em artigo intitulado “Mariano teu nome é Simplicidade” tece também comentários elogiosos a esse  grande facultativo: “...pertencia com muita honra àquela categoria que, embora deixando um vazio imenso, é quase uma espécime já extinta: O MÉDICO DA FAMÍLIA”...“Era um homem forte, simples e bom. Um médico admirável”... “Foi clinicar em Luzilândia, cidade pequena do interior, onde o único médico tinha que fazer de tudo. De parteiro a pediatra, passando pela cirurgia de urgência, e conselheiro de família". E prossegue dr. Carlos Araken em seu relato: “Incontáveis noites de chuva, amargou no lombo de cavalos, quando não de burros, para atender chamados em todos os povoados vizinhos, já que era o único médico da região. Vida dura aquela”...   

         Dr. Mariano também foi homenageado em Buriti dos Lopes dando nome ao Hospital do Município e a uma rua da cidade. Aqui em Parnaíba dr. Mariano também deu nome a uma rua que fica localizada no bairro Frei Higino. Portanto são justas e merecidas as homenagens que se prestam a esse homem que soube fazer da medicina a prática de “fazer o bem sem olhar a quem”.

 

        

 

 

quinta-feira, 20 de abril de 2017

LUTO NA FAMÍLIA BACELAR

ACIDENTE AUTOMOBILISTICO CEIFA VIDA DE INTEGRANTES DA FAMILIA BACELAR
 
 
Um acidente automobilístico ocorrido na tarde ontem quarta feira 19-04-2017 ceifou a vida de dois membros da família Bacellar. As irmãs Antoniêta e Ana Luiza Bacelar faleceram em decorrência do acidente, enquanto que, Lucia, irmã de  ambas  encontrava-se em estado grave. Não sabemos detalhes do acidente, apenas que ocorreu na estrada que liga Brejo a São Luis, conforme nos relatou o membro da família dr. Renato Araribóia de Brito Bacellar que reside em Parnaíba. Eis a nota que foi enviada através de e-mail:
          NOTA DE FALECIMENTO
                LAMENTAMOS COMUNICAR AOS DEMAIS PARENTES E AMIGOS QUE, EM ACIDENTE RODOVIÁRIO OCORRIDO HOJE (19-04-2017), EM VIAGEM REGRESSO DE BREJO (MA) A SÃO LUIS (MA), FALECERAM AS IRMÃS ANTONIÊTA BACELLAR E ANA LUISA BACELLAR, ESTANDO EM ESTADO GRAVE, SEGUNDO INFORMAÇÃO OBTIDA ESTA TARDE, A IRMÃ DE AMBAS, LÚCIA. TODAS VIAJARAM EM AUTOMÓVEL PARTICULAR, DIRIGIDO POR UM AMIGO DE NOME DIEGO, NELE ENCONTRANDO-SE COMO QUINTO PASSAGEIRO, A FILHA DE ANA LUISA, DE NOME ÉRIKA.
                NÃO HÁ DETALHES SOBRE O ESTADO DE SAÚDE DESTES ÚLTIMOS (DIEGO E ÉRIKA).
                OS CORPOS ESTÃO SENDO LEVADOS PARA SÃO LUÍS (MA) COM SEPULTAMENTO PREVISTO PARA AMANHÃ (20-ABRIL-2017, 5ª FEIRA) EM HORÁRIO NÃO SABIDO.
                PEDE-SE AOS QUE RECEPCIONAREM ESTA DOLOROSA MENSAGEM, FAZEREM REPERCUTI-LA ENTRE OUTROS PARENTES, AMIGOS E ADMIRADORES DOS ENTES QUERIDOS VITIMADOS NO ACIDENTE.
                PESAROSAMENTE,
                RENATO ARARIBÓRIA DE BRITTO BACELLAR, esposa MARIA CÂNDIDA COUTO BACELLAR e neta MARINA VITÓRIA COUTO BACELLAR (residentes em PARNAÍBA-PIAUÍ)
 


terça-feira, 18 de abril de 2017

CONCURSO LITERÁRIO


 ACADEMIA PARNAIBANA DE LETRAS DIVULGA RESULTADO DE CONCURSO LITERÁRIO.

No último dia 13 do corrente mês de abril de 2017, quinta-feira, a Academia
Parnaibana de Letras, sob a presidência do escritor Antônio de Pádua Ribeiro dos Santos, divulgou o resultado do concurso literário por ela instituído. Abaixo a lista dos vencedores com suas respectivas classificações.
Para o presidente, que instituiu Comissão Julgadora formada por competentes
intelectuais da cidade membros da academia: Alcenor Candeira Filho, poeta,
advogado e professor; Amparo Coêlho, cronista e Promotora de Justiça, e ainda da escritora e Secretária Geral da comissão e também da Academia Parnaibana, professora Maria Dilma Dilma Ponte de Brito, o resultado foi coroado de sucesso, principalmente pelo fato de provar que em nossa cidade temos bons escritores, principalmente jovens que necessitam de oportunidades como esta para que seus talentos sejam conhecidos.
C:\Users\Asus\Downloads\apal foto 1.jpg C:\Users\Asus\Downloads\apal foto 2.jpg
CONCURSO DE CONTOS
CLASSIFICADOS
CATEGORIA “A” – ESTUDANTES ESCRITORES:
1 º lugar –  O conto O Escritorzinho Levado
– autora:
Glória Maria Pereira Tomaz,
Rua Quetinha Pires, 451 – Bairro do Carmo.
2º lugar – O conto Aventuras no Quintal
– autora: Amanda Azevedo Torres
– Rua Samuel Santos, Bairro São Francisco, 735.
3º lugar – O conto O Mistério de Gorg
– autor:
Jeferson Levi do Nascimento Fontenele
– Rua Tubarão do Litoral, 55 – Bairro Alto de Santa Maria.
CATEGORIA “B” – ESCRITORES EM GERAL:
1º Lugar – O conto O Jardim Secreto
– autora:
Karoline de Carvalho Oliveira.
Rua 02 de fevereiro, 454 – Bairro São José.
2º lugar – O conto História de Pedras
– autor:
Daniel Souza Braga.
Avenida Dr. João Tavares Silva, 1430 – Ilha Grande de Santa Isabel –
Parnaíba.
3º lugar – O conto Acompanhante
– autor:
Antônio César da Silva Pinheiro.
Rua Santana, 1566 – Bairro Piauí.  
PREMIAÇÃO:
Todos os seis receberão certificados.

Os dois primeiros lugares terão seus contos publicados no Almanaque da Parnaíba – Revista da APAL e receberão 10 exemplares cada, recebendo, ainda, prêmio em dinheiro, no valor de 400 e 600 reais, respectivamente, em agosto do corrente ano de 2017, durante a semana da Parnaíba.
         É muito gratificante a oportunidade que temos de comunicar os vencedores. Eles, ou os seus pais, quando recebem a notícia ficam emocionados. E não é para menos, conclui Pádua Santos, presidente da APAL: Afinal, grandes escritores começaram assim, sendo vencedores em concursos literários. Um exemplo é o caso do nosso colega de academia, o respeitado Assis Brasil.

segunda-feira, 17 de abril de 2017

OPINIÃO

Por Bernardo Silva

 
 
 
Parabéns ao jovem repórter Kairo Amaral, pelo transcurso de seu aniversário, hoje. A  Câmara Municipal vai lhe outorgar nesta data a Medalha do Mérito Legislativo, "por seus relevantes serviços prestados ao município de Parnaíba". Todos sabemos do seu merecimento, principalmente por sabermos de sua luta, seu empenho em acertar, nesta profissão onde colhemos mais espinhos que flores.
Lá atrás, aos 17 anos, entrava eu na redação do Jornal "Folha do Litoral" na função de revisor. E de lá para cá nunca mais sai das redações, dos estúdios, das ruas, apurando meu faro para levar às pessoas as informações, as análises que acredito serem importantes para as avaliações do grande público. É árdua, a luta. É dura a missão. E só os fortes vencem.
Jovem como você, no auge do sucesso, merece todas as homenagens e também todas as reprimendas, no sentido de não se deixar picar pela mosca azul. Vaidades a profissão acalenta. Orgulho, idem.Mas fujamos disso e cuidemos da vida. Sigamos em frente porque quem não estiver afinado com as coisas do seu tempo, fica atrás, engolindo poeira.
Vá em frente, amigo. "Com fé, esperança e amor".


sexta-feira, 14 de abril de 2017

ACADEMIA PARNAIBANA DE LETRAS

 
  
  APAL EMPOSSARÁ NOVOS MEMBROS EM MAIO
 
 
                  A Academia Parnaibana de Letras (APAL) irá empossar no próximo dia 12 de maio vindouro quatro novos membros que se tornarão imortais após referida posse. A solenidade será no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil - subseção Parnaíba gentilmente cedido pelo presidente José Lima, para esta solenidade.
                   Os novos acadêmicos a tomarem posse na APAL são os seguintes: Breno Ponte de Brito que ocupará a cadeira nº 05 , cujo patrono é Alarico José da Cunha e teve como último ocupante  a professora Aldenora Mendes Moreira.  Breno é publicitário  e autor dos livros “Broadside – A propaganda vista por dois lados” e “Da brancura à sujeira: uma análise dos discursos das propagandas do sabão Omo”;  Roberto Cajubá de Britto, advogado, professor universitário e escritor. Roberto Cajubá irá ocupar a cadeira de nº 15 que tem como patrono Patrono Simplício Dias da Silva e  teve como último ocupante o imortal Francisco Iweltman Vasconcelos Mendes; Antônio de Pádua Marques, escritor, cronista e jornalista, autor de vários livros dentre eles o romance  "Gato Ladrão de Sebo" que tem  como cenário o interior de Pernambuco, na região de Garanhuns. Pádua Marques ocupará a cadeira de nº 24 que tem como patrona (patrona mesmo, patronesse tem outro significado) a poetisa Luiza Amélia de Queiroz de Queiroz Brandão e  como ocupante a professora escritora e poetisa Edmée Rego Pires de Castro; finalmente para ocupar a cadeira de nº 35 foi eleito o professor Antônio Gallas Pimentel,  jornalista, escritor, poeta, autor dos livros "Meu Sobrinho Prodamor e Outros Causos", "Fragmentos" e outras publicações. Antônio Gallas irá ocupar a cadeira de nº 35 que tem como patrono o segundo Bispo de Parnaíba Dom Paulo Hipólito de Sousa Libório e como primeiro e último ocupante o seu conterrâneo Rubem da Páscoa Freitas.
 
 
 
 

SEMANA SANTA


               O Grupo de Teatro YAWER da Paróquia Nossa Senhora da Conceição em Tutóia no Maranhão, estará apresentando hoje, sexta-feira da Paixão, o espetáculo teatral  As Últimas Palavras de  Cristo de autoria do consagrado escritor e autor de peças teatrais Benjamin Santos. Benjamin é parnaibano, residiu por vários anos no Rio de Janeiro e suas peças sempre envolvem temas religiosos como natal e semana santa e muitos dos espetáculos por ele criados foram apresentados  nos cenários do Morro da Urca no Rio de   Janeiro .
               O espetáculo acontecerá no Ginásio Poliesportivo de  Tutóia, logo após a procissão desta sexta-feira santa.  Além de Tutóia a peça será também apresentada na vizinha cidade de Água Doce neste sábado 15.
                A população tutoiense está sendo convidada a prestigiar este evento pois terá momentos de grandes emoções ao recordar o mistério da morte e ressurreição de nosso senhor Jesus Cristo.

segunda-feira, 10 de abril de 2017

LENÇÓIS MARANHENSES


Ator Cauã Raymond se encanta com Lençóis Maranhenses

O ator Cauã Raymond postou diversas fotos dos Lençóis Maranhenses nos últimos dias no Twitter e no Instagram. Ele estava de férias e se mostrou entusiasmado com as belezas naturais e a cultura local. O ator conheceu moradores e publicou dicas sobre a região.

“Destino certo. A pequena cidade de Santo Amaro que fica no coração dos Lençóis Maranhenses”, escreveu o ator nas redes sociais. Cauã também ressaltou a importância do turismo consciente: “Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. Respeite. Proteja. Admire”, completou. Entre as diversas imagens que postou, está a de uma tartaruga. Ele explicou o motivo: “O Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses é lar da tartaruga Pininga e de uma fauna que deve ser preservada e respeitada. Este é um dos motivos pelo qual não devemos andar sem guia e sempre respeitando os limites do Parque. Preservar Sempre”, finalizou o ator.
 

Fonte: Jornal Pequeno

Da redação: Gustavo Bogea Data de publicação: Tags: Cauã RaymondFériasLençóis Maranhenses

 

domingo, 9 de abril de 2017

SEDUC MARANHÃO

Secretaria de Educação do Governo do Estado do Maranhão

Seduc - Ma  disponibiliza listagem de servidores com o mês de aniversário para a atualização cadastral

Com intuito de facilitar o acesso e a consulta dos servidores a dados cadastrais como o mês de aniversário, que é requisito para o processo de recadastramento, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) disponibilizou a lista com a data de aniversário dos servidores do órgão. Os dados podem ser visualizados em: http://www.educacao.ma.gov.br/rh/
A Seduc alerta que todos os servidores devem acessar o banco, a fim de verificar se seus dados estão corretos. Caso verifique alguma inconsistência, o servidor deve procurar, imediatamente, o setor de Recursos Humanos (RH) da Seduc, em São Luís, portando documento de identificação.
Desde janeiro deste ano, o governo do estado deu início à atualização cadastral dos funcionários públicos ativos, efetivos, contratados e comissionados. O servidor precisa realizar o recadastramento no mês de aniversário. Apenas os servidores inativos não precisam fazer recadastramento.
No caso da Seduc, o servidor deverá se dirigir à sede da Unidade Regional de Educação em que está lotado, e apresentar original ou cópia autenticada (caso não possua a original) e cópia de seguintes documentos: RG ou CNH, CPF, PIS/Pasep, Comprovante de residência, contato telefônico e de endereço eletrônico (caso tenha), dados bancários e preencher a ficha de atualização, declarando o local onde, de fato, está exercendo sua função. Somente será considerado atualizado o cadastro que apresentar todos os documentos exigidos no decreto. Após a atualização, o servidor receberá um comprovante de que atualizou ou confirmou seu cadastro funcional.
Quem não fizer o recadastramento no período estabelecido, só poderá regularizar a situação comparecendo ao setor de Recursos Humanos (RH) da Seduc, em São Luís. Aqueles que não realizarem o recadastramento no mês do seu aniversário terão o salário suspenso no mês subsequente.
Mais informações podem ser obtidas pelo endereço eletrônico: http://www.educacao.ma.gov.br/atualizacao-cadastral
Fonte: Seduc - Ma